Problemas fundamentais com a água no mundo

O encontro da ocasião do terceiro fórum mundial de (WWF-3), em Kyoto, Japão, de 16 a 23 de Março de 2003, a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO) apresentou uma revisão de temas prioritários que enfrentam os executivos do mundo a respeito do uso de água na agricultura e sua implicação para o manejo dos recursos hídricos no contexto actual. A FAO fez sua participação nos debates do WWF-3 em Kyoto, sob o lema de Descobrir o potencial da água para a agricultura. Sem dúvida e todas as evidências estatísticas confirmam que a agricultura é o sector chave para o manejo da água e a principal consumidora de água doce na actualidade. ( LEISA, 2010).

De qualquer maneira, o sector do desenvolvimento rural de água, afirma que estão nestes momentos em dificuldades, em comparação com outros sectores competitivos em demanda de água com a produção agrícola e consumo da água para as populações e os processos industriais e a água que se contamina como resultado da actividade humana. Segundo Ruiz (2010), diariamente se contaminam milhões de litros de água por se deitar lixo nos rios, resíduos sólidos e biodegradáveis e por filtração no solo de fertilizantes químicos, plaguicidas ou fluentes da indústria que causam danos consideráveis ao manto freático sem contar com água que se perde devido ao mal estado de redes de distribuição de água que se bombeia para consumo da população.

Só para destacar, em muitos lugares do mundo a água se converteu num problema eminente, só ver os problemas de África com destaque para a Etiópia que a seca vitima 2 á 5 pessoas por dia (FAO 2011).

Segundo Castro e Castio (2011), quando um sector privado toma o controlo de serviço de venda de água e desvio, como sucede em Luanda, Angola, cerca de 20 anos, que um empresário maneja o negócio de abastecimiento de um recurso essencial como a água, com preços elevados devido a custos de transportação. Como resultado desta problemática, as famílias que vivem com 20 litros de água por dia. Na actualidade, os promotores de água no sector rural carecem de estratégias válidas e de um mercado adequado para a sua apresentaçao com a devida atenção sobre esta problemática.

1. O uso produtivo de água para a produção agrícola e o desenvolvimento rural, deverá melhorar continuamente para satisfazer os objectivos da produção de alimentos, crescimento económico e ambiente. Isto requer a progressiva modernizaçao do manejo da água na agricultura, de tal forma que ofereça uma melhor resposta a demanda e também que se adapta melhor às condições locais do clima e do ambiente socioeconómico. (UNESCO 2003)

2. O manejo de água na agricultura será um elemento decisivo para manter a segurança alimentar de ingressos entre os agricultores com menores recursos. Se calhar o manejo equitativo dos recursos locais de água pode ser alcançado somente por meio de uma maior participação das comunidades rurais e dos agricultores. (PNUMA 2005)

3. A sustentabilidade destes objectivos de qualidade e produtividade, pode ser obtida somente por meio de uma inversão de maior qualidade no sector agrícola. Portanto, as inversões no manejo de água na agricultura deverão ser mais estratégicas para melhorá-la. (Febles, 2010).

Bibliografia

1. FAO. Water source of food security. E-mai conference organized by Land and Water Development Division, Rome 13 September – 1 November 2011

2. Febles, J.M. Y JL. Durán 220 pp Manual de Erosión conservación de suelos e agua. Editorial Felix Varela, 3ª Edición .UNESCO (2010)

3. LEISA,Revista de agroecológica: Agua ecosistema y agricultura (Br),pp24 y 28 vol 26 numero 1 ISSN:1729-7419 marzo de 2010

4. PNUMA. Red Mundial del Programa GEMS/Agua del PNUMA. Informe. ISBN 92-95039-06-8 2005.

5. Ruiz, R. Agua: recurso vital y finito. Energía y Tu,(Cu) no 41, 2010

6. UNESCO El World Water Development Report (informe mundial del desarrollo del agua) World Water Assessment Program (Programa mundial para la estimación del agua 2003.

Hazle saber al autor que aprecias su trabajo

Tu opinión vale, comenta aquíOculta los comentarios

Comentarios

comentarios

Compártelo con tu mundo

Cita esta página
Agostinho Guilherme Carlos. (2011, octubre 13). Problemas fundamentais com a água no mundo. Recuperado de https://www.gestiopolis.com/problemas-fundamentais-com-a-agua-no-mundo/
Agostinho, Guilherme Carlos. "Problemas fundamentais com a água no mundo". GestioPolis. 13 octubre 2011. Web. <https://www.gestiopolis.com/problemas-fundamentais-com-a-agua-no-mundo/>.
Agostinho, Guilherme Carlos. "Problemas fundamentais com a água no mundo". GestioPolis. octubre 13, 2011. Consultado el 16 de Julio de 2018. https://www.gestiopolis.com/problemas-fundamentais-com-a-agua-no-mundo/.
Agostinho, Guilherme Carlos. Problemas fundamentais com a água no mundo [en línea]. <https://www.gestiopolis.com/problemas-fundamentais-com-a-agua-no-mundo/> [Citado el 16 de Julio de 2018].
Copiar
Imagen del encabezado cortesía de simonmonk en Flickr
DACJ